• BICAMPEÃO DA LIBERTADORES
  • HEPTACAMPEÃO BRASILEIRO

#COVID19: Witzel alerta que prefeitos precisam ter mais controle urbano para ajudar no combate à pandemia

Em entrevista ao ‘Bom Dia, Rio’, da TV Globo, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse na manhã desta quinta-feira (09), que os prefeitos precisam criar mais ações que ajudem no controle urbano para o combate à propagação do novo coronavírus. “Os prefeitos têm que botar fita e barreira. O calçadão está movimentado? Vai lá e fecha. Tem camelô? Isola“, disse.

O estado do Rio chegou, nesta quarta-feira (8), a 106 mortes pela Covid-19 e mais de 1938 casos confirmados da doença, como informou a Secretaria Estadual de Saúde. Ainda há 78 óbitos em investigação. Em meio a este cenário, Witzel voltou a defender as medidas de isolamento social como forma de conter o avanço do coronavírus e falou sobre aumentar a restrição feita para que autoridades policiais possam atuar em caso de descumprimento.

As pessoas ainda não entenderam a gravidade do problema. Aquele que está na rua hoje está levando risco para toda a sociedade. Por isso ele deve ficar em casa. É preciso ter instrumentos para, se precisarmos, termos medidas mais duras -, afirmou.

Por todo o Brasil, segundo a última atualização das secretarias estaduais de saúde, mais de 820 pessoas já morreram por consequência do novo coronavírus. Entre os casos confirmados, o número ultrapassa a marca de 16.238. Até o momento, Tocantins é o único estado que não registrou mortes por conta da doença.

A principal recomendação tanto do Ministério da Saúde quanto da Organização Mundial da Saúde (OMS), é que as pessoas fiquem em casa o máximo possível. De acordo com as autoridades, essa é a forma mais eficaz de se manter em segurança e não ser infectado pelo vírus. Outro fator importante é manter a higiene das mãos. Lavá-las com água e sabão, e fazer uso do álcool gel pode ajudar a frear a propagação da doença.

Publicado em colunadofla.com.