Goiás recusa oferta para vender mando de campo contra o Flamengo

Goiás recusa oferta para vender mando de campo contra o Flamengo

Depois de levar quase 50 mil torcedores para o Mané Garrincha no jogo contra o Avaí, disputado no último sábado (07), o Flamengo estaria próximo de voltar a atuar em Brasília. Isso porque, o Goiás recebeu uma proposta para vender o mando de campo contra o Rubro-Negro, em duelo pela 29ª rodada do Brasileirão, mas o presidente da equipe esmeraldina rechaçou a ideia.

A oferta apresentada à diretoria do clube goiano foi de R$ 1,5 milhão para levar o jogo para Brasília, onde o Fla coleciona bons públicos na temporada, ou até mesmo para Manaus. Em entrevista concedida ao programa “Feras do Kajuru“, na Rádio Sagres, o presidente do Goiás, Marcelo Almeida, confirmou as propostas, mas disse que manterá o duelo no Serra Dourada.

Recebemos proposta para o jogo do Flamengo, mas entendemos que o torcedor do Goiás, por estar três anos longe da Série A, está ansioso para ver esses times de perto. Se eu vender o mando, é uma traição com o torcedor. Acho que nós não iremos vender -, disse o mandatário. A reportagem do Coluna do Fla apurou que o Esmeraldino já recusou a oferta.

Goiás e Flamengo se enfrentam apenas no dia 30 de outubro (quarta-feira). Pela próxima rodada do Brasileirão, o Rubro-Negro terá pela frente o Santos, em duelo que coloca frente a frente líder e vice líder da competição nacional. Se vencer ou até mesmo empatar, o Fla garante o título simbólico do primeiro turno. O duelo será disputado neste sábado (14), no Maracanã.

Clique aqui e faça parte do nosso canal do Telegram e receba todas as notícias em tempo real.