Flamengo  RJ
menu
search

Flamengo prioriza técnicos estrangeiros para próxima temporada

30 de novembro de 2021 às 11:54h
Flamengo prioriza técnicos estrangeiros para próxima temporada

Rubro-Negro não deve contratar técnico brasileiro após demitir Renato Gaúcho

O Flamengo chegou a um acordo com Renato Gaúcho e, juntos, optaram por encerrar o contrato, que terminaria no final de dezembro. Agora, os dirigentes cariocas analisam o mercado, para saber quem será o substituto de Portaluppi. A diretoria já chegou a um consenso: deve ser estrangeiro.

O Rubro-Negro não quer acertar com técnico brasileiro, pois acredita que poucos profissionais nacionais estão alinhados com a filosofia desejada pelo clube. Sendo assim, um comandante estrangeiro é que o procuram, embora ainda não tenha nenhum nome encaminhado.

Com o calendário europeu terminando em junho de 2022, a tendência é que o Flamengo corra atrás de um técnico sul-americano. Contudo, caso tenha um treinador do Velho Continente qualificado disponível, o Rubro-Negro investirá. As informações foram publicadas primeiramente pelo jornal O Globo.

Nomes como Marcelo Gallardo e André Villas-Boas estão sendo pedidos por torcedores. Porém, o Flamengo tem tempo para analisar e estudar o terreno. Até porque, há eleição presidencial no sábado (04), o que dificulta um acerto imediato. Por isso, o Fla só intensificará as tratativas com técnicos após o pleito.

Enquanto o Flamengo monitora o mercado e analisa os possíveis nomes, Maurício Souza será o técnico interino da equipe e estará na beira do gramado contra o Ceará, nesta terça-feira (30). O confronto acontece no Maracanã e terá início às 20h (horário de Brasília), pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicado em colunadofla.com