Flamengo  RJ
menu
search

Linhas ao vivo e mais: CBF anuncia mudanças no VAR já para próxima rodada

22 de junho de 2022 às 13:56h
Linhas ao vivo e mais: CBF anuncia mudanças no VAR já para próxima rodada

Wilson Seneme oficializou alterações no processo do árbitro de vídeo

Nesta quarta-feira (22), em evento na sede da CBF, na zona oeste do Rio de Janeiro, o presidente da Comissão de Arbitragem da entidade, Wilson Luiz Seneme, oficializou uma nova conduta nas transmissões. Já a partir da próxima rodada do Campeonato Brasileiro, a 14ª, as linhas de impedimento do VAR serão traçadas e posicionadas ao vivo nas exibições pelos canais de televisão.

— A gente vai disponibilizar a construção da linha do impedimento na transmissão ao vivo. Não vai mais enviar a foto da jogada para a transmissão colocar na sequência. A gente entende que quando as pessoas que estão acompanhando a transmissão começarem a acompanhar a construção da linha, vão entender melhor o final dela — anunciou Seneme.


Implantar tal mudança também causa a necessidade de um treinamento na equipe de arbitragem de vídeo. Sendo assim, o presidente da Comissão de Arbitragem de CBF revelou que os responsáveis pela tecnologia terão aulas diárias acerca do uso correto da tecnologia nos jogos organizados pela entidade.

— A gente quer dar treinamento diário para esses árbitros para que possam melhorar essa linha de intervenção, é o que estamos buscando — contou Seneme.

Traçar as linhas de impedimento ao vivo não foi a única mudança no uso do VAR anunciada nesta quarta (22). No evento, Wilson Seneme afirmou que a CBF vai publicar mais vídeos e áudios contendo os diálogos que acontecem nas cabines de arbitragem. Antes da alteração, a entidade mostrava ao público apenas filmagens de lances revisados. Agora, jogadas que deveriam ser checadas e não foram também serão expostas.

— Nós estávamos com um grupo reduzido de trabalho, por isso não publicamos tudo. A partir de agora, podem nos cobrar mais. Essa demanda tem que ser absorvida — disse Seneme.

O lance mais recente envolvendo o Flamengo no VAR foi um possível pênalti sofrido por Gabigol no jogo diante do Atlético-MG, no último domingo (19), em que o Rubro-Negro foi derrotado por 2 a 0. Na rodada anterior, o mesmo atacante do Fla sofreu uma cotovelada de zagueiro do Internacional, na 11ª rodada, dentro da área, e o árbitro da ocasião não foi orientado para checar o lance no monitor.

Publicado em colunadofla.com