Flamengo  RJ
menu
search

Michael revela ‘diferença de tratamento’ em treinadores do Flamengo

24 de novembro de 2021 às 16:52h
Michael revela ‘diferença de tratamento’ em treinadores do Flamengo

Atacante confessou que, enquanto Jorge Jesus e Renato são mais atenciosos, Domènec não conversava com os jogadores

Desde a saída do técnico Jorge Jesus, o Flamengo sofreu para encontrar o substituto ideal. Tanto que, em pouco menos de duas temporadas, o Rubro-Negro já teve três treinadores à frente deste estrelado elenco. Sobre o assunto, em entrevista ao Portal UOL, o atacante Michael comentou sobre os diferentes estilos dos comandantes. Ele frisou, ainda, aqueles com os quais se identificou mais.

Após o Mister encerrar a vitoriosa passagem pelo Mengão, o clube teve Domènec Torrent, Rogério Ceni e Renato Gaúcho como treinadores. Para Michael, no entanto, a comunicação dos técnicos foi bastante diferente. Enquanto o catalão quase não conversava com os atletas, os dois brasileiros tinham mais ‘manha’ com o elenco. No entanto, ele elegeu Portaluppi como o mais aberto.

Com o Domènec eu não tive muito diálogo. Ele não era um cara que falava muito comigo. Não é que ele não falasse sabe, mas não tinha muito o que conversar, era mais ele na dele e eu na minha. Mas com o Rogério eu conversava, as vezes ele me pedia algo dentro de campo e eu fazia – disse, antes de completar:

— Com o Mister e com o Renato foi mais diferente porque eles perguntavam mais as coisas para mim, me cobravam mais, me davam conselhos, brincavam, era resenha também. Então assim, só tenho a agradecer por todos os treinadores que trabalhei, não quero criticar ninguém – finalizou o atacante do Mengão.

Em grande fase na temporada, Michael superou todas as expectativas e, inclusive, é cotado para ser titular na final da Libertadores. A decisão entre Flamengo e Palmeiras acontecerá neste sábado (27), às 17h (horário de Brasília), no Estádio Centenário de Montevideo, no Uruguai. A partida contará com transmissão muito especial do Coluna do Fla, que terá ‘força máxima’ na capital uruguaia.

Publicado em colunadofla.com