Flamengo  RJ
menu
search

Vasco se desculpa após provocar Flamengo em vídeo com acusado de agredir torcedor do Fluminense

29 de junho de 2022 às 21:20h
Vasco se desculpa após provocar Flamengo em vídeo com acusado de agredir torcedor do Fluminense

Clube de São Januário retirou a postagem das redes sociais

O Vasco entrou em uma polêmica envolvendo Flamengo e Fluminense, nesta terça-feira (28). O clube de São Januário publicou um vídeo nas redes sociais para provocar o Mengo por conta do jogo no Maracanã, que contou com a participação de um homem acusado de agredir um torcedor do Fluminense, em 2017. Após muita revolta, o material foi retirado do ar e um pedido de desculpas foi feito.

O vídeo mostra um botequim em que o Mascote Almirante aparece sendo servido por um homem. A ideia inicial era fazer uma provocação ao Flamengo referente ao jogo entre Vasco e Sport, que será realizado no Maracanã. No entanto, quem faz o papel de garçom é um dos acusados de agredir o torcedor do Fluminense Pedro Scudi, que ficou meses internado. A informação foi divulgada primeiro pelo portal GE.

Saiba como ganhar dinheiro com jogos de futebol!

Apesar do acusado e outros dois homens terem sido absolvidos pela Justiça, o vídeo gerou revolta entre torcedores dos três clubes. Por conta das inúmeras reclamações até mesmo da própria torcida, o Vasco decidiu retirar o vídeo das redes sociais e emitir um pedido de desculpas.

A Vasco TV lamenta que em vídeo veiculado ontem tenha sido utilizada, involuntariamente, a imagem de uma pessoa acusada de agressão. Tão logo a questão foi identificada, o vídeo foi retirado do ar. O Vasco da Gama pede desculpas pelo incidente e reafirma seu repúdio a qualquer tipo de violência e seguirá a lutar por respeito, igualdade e inclusão — diz o clube.

Pedro Scudi foi agredido com barras de ferro em fevereiro de 2017. Na ocasião, o torcedor do Fluminense chegou a ficar em coma induzido, passou 157 dias internado e precisou de diversas cirurgias. Por conta das lesões sofridas, o jovem possui sequelas graves até hoje.

Publicado em colunadofla.com