Filipe Luís se diz realizado no Rubro-Negro: “Agora sou jogador de futebol, joguei no Maracanã pelo Flamengo”

Filipe Luís se diz realizado no Rubro-Negro: “Agora sou jogador de futebol, joguei no Maracanã pelo Flamengo”

Mais de dez anos de Europa, atuações nos mais modernos estádios do mundo, títulos dos campeonatos mais importantes e uma carreira com a Seleção Brasileira: nada disso se compara à emoção de vestir o Manto Sagrado. Filipe Luís aprendeu a amar o Flamengo ainda criança e trabalhou muito para conquistar seus sonhos, mas o maior deles foi realizado apenas em 2019. Quem define o sentimento é o próprio lateral ao falar sobre o último mês: “agora sou jogador de futebol, joguei no Maracanã com a camisa do Flamengo!”.

O Flamengo iniciou 2019 sendo muito cobrado por reforços no setor defensivo. O pedido se tornou ordem e o Rubro-Negro trouxe experiência de sobra para suas laterais: Rafinha e Filipe Luís. Deixando a Europa para trás após mais de 10 anos, o lateral esquerdo da seleção brasileira parece já se sentir em casa no Brasil – principalmente na Gávea. Durante o programa Fala Muito, do SporTV, o camisa 16 descreveu o indescritível: a sensação de jogar no Maracanã lotado vestindo o Manto.

– Já tinha jogado no Maracanã com a camisa do Brasil, mas não com a camisa do Flamengo. É especial. É diferente. No túnel (contra o Grêmio), eu pensava: “temos que ganhar”. Eu sentia a torcida e só pensava em como era especial. A torcida empurra mesmo, né? Mas tem que ser frio e dar aquela calma no jogo, que o torcedor não quer, mas é preciso. Foi muito emocionante (a estreia). Daria tudo para ter jogado com a camisa do Flamengo no Maracanã antigo, só pra sentir o que era aquilo. Neste Maracanã de agora todo mundo canta, vejo todo mundo levantando, pulando… é emocionante, uma sensação de dizer: “agora sou jogador de futebol, joguei no Maracanã com a camisa do Flamengo” -, declarou.

Filipe Luís teve estreia amarga pelo Mais Querido: derrota para o Bahia na Fonte Nova. Aquela se provaria a única até aqui – desde então, são cinco vitórias e um empate. No Maracanã, estreou contra o Grêmio em vitória por 3 a 1. Desde então, já encarou decisões pela Libertadores e jogos de liderança no Brasileirão. O lateral nunca escondeu seu encanto pelo que está vivendo e sua qualidade acima da média é reforçada por uma dedicação ferrenha ao vermelho-e-preto.

Clique aqui e faça parte do nosso canal do Telegram e receba todas as notícias em tempo real.